No importa comprar viagra generico espana lo que suceda comprar cialis generico espana en la historia viagra contrareembolso de la industria cialis contrareembolso lo principal es comprar priligy que ahora comprar kamagra todo es super
Livro “Cultura de paz na luta contra a violência às mulheres e meninas”

Esta publicação é um instrumento de multiplicação contendo a rica trajetória teórica e prática do ciclo de palestras-oficinas intitulado “Promoção da cultura de Paz na Luta contra a Violência às Mulheres e Meninas”. As atividades foram realizadas em 2019 e foram direcionadas às mulheres e homens, incluindo jovens, das comunidades de todas as 46 unidades dos CEUs – Centros Educacionais Unificados, localizados nas periferias do município de São Paulo, como Brasilândia, Itaim Paulista, Capão Redondo, Jaguaré. Foi fundamental atingir ao público que vive nos bairros localizados nas extremidades da maior cidade das Américas (população total de 12,8 milhões de habitantes), por meio de ações educativas construídas de forma dialógica, visando interromper o ciclo de perpetuação da violência contra mulheres e meninas.

O conteúdo, apresentado com dinâmicas de educação popular feminista, agregou o conceito ampliado de paz (Resolução 1325 da ONU), o processo de construção/ desconstrução dos estereótipos sexistas, racistas, LGBTfóbicos e demais interseccionalidades – sobreposição de identidades sociais e sistemas relacionados de opressão, dominação ou discriminação -, as consequências das desigualdades, a legislação brasileira e como procurar ajuda. A violência contra mulheres e meninas é uma epidemia que não escolhe classe social, raça, etnia, nível educacional, idade, localização geográfica, religião… A perspectiva mundial é trágica e desoladora: uma em cada três meninas será vítima de violência física ou sexual no transcorrer da vida. Hoje, no Brasil, a cada 20 segundos uma mulher é agredida, a cada 11 minutos uma mulher é estuprada, a cada 2h30 ocorre um estupro coletivo, a cada 2 horas uma mulher é assassinada. As estatísticas demonstram uma realidade trágica cuja raiz do problema está na construção social de gênero, que é aceita culturalmente e vem sendo mantida historicamente há milênios. Assim, há a necessidade de unir esforços de mulheres e homens para alcançar a paz, a segurança e a justiça social.

O conceito ampliado de paz é um instrumento eficaz na abordagem da violência em atividades direcionadas a mulheres e homens, principalmente junto ao público jovem. De antemão, tem a força de “desarmar” ambos os sexos, para se aprofundar em uma temática que vai trazer transformações no comportamento cotidiano de cada pessoa e beneficiar a toda a sociedade. Tal conceito de paz não se restringe à sua aplicação no conflito armado e em suas consequências. Trata-se de um conceito que remete às ações do cotidiano. A guerra do dia a dia também está retratada nas discriminações e na violência contra mulheres e meninas, que é a principal consequência da forma equivocada com que se constrói as identidades feminina e masculina.

Este projeto contou com o apoio da UBER, que no mundo todo vem apoiando iniciativas voltadas para segurança de mulheres e meninas, com parceria da Secretaria Municipal de Educação da Prefeitura de São Paulo.

Download PDF {+}

Deixe seu Comentário:





Seu comentário aparecerá após a aprovação.

Mulheres & Homens

1000 Mulheres pela Paz

©2019 – Associação Mulheres pela Paz – Rua Coração da Europa, nº 1395 – Bela Vista – 01314-020 – São Paulo/SP – Fone (11) 99647-9497